Ingredientes

Vinho com chocolate

Ingrediente indispensável na Páscoa, o chocolate seduz o paladar por sua complexidade. Ao desmanchar-se na boca, ele provoca uma sensação única de prazer. Também ativa mecanismos responsáveis pelo nosso bem-estar. Morder pequenos pedaços e deixá-los derreter suave e uniformemente na língua representa uma experiência tão exuberante quanto apetitosa. A textura lisa e macia associada ao equilíbrio entre a doçura e o amargor fazem desta iguaria à base de cacau uma perdição sensorial, seja no formato de ovo ou em barras.

Mas tal intensidade tem um preço. Assim como o doce e o amargo, a textura cremosa faz do chocolate uma sobremesa capaz de se sobrepor às virtudes de um vinho, por melhor que ele seja, ao roubar a atenção das papilas gustativas. Por isso é preciso ter prudência ao se buscar essa harmonização neste domingo de Páscoa.

Doce e amargo

O ideal é optar por chocolates amargos, com alto teor de cacau, pois a presença do leite (como é o caso dos chocolates ao leite) costuma não produzir grandes harmonizações – embora essa seja uma questão um tanto subjetiva e cada um faz as suas regras. Assim, a combinação vai se dar pelo contraste entre doce e amargo.

A dica aqui é buscar na ficha técnica do vinho a presença de “notas de caramelo”, que harmonizam suavemente com um bom chocolate. Normalmente, a harmonização que costuma funcionar melhor, considerada clássica, é aquela com os chamados vinhos fortificados, próprios para sobremesa, como os Vinhos do Porto, obrigatórios em encontros de família.

Um exemplo é este Tawny Reserva, da Quinta das Tecedeiras, um Porto autêntico, com cor e concentração, além de complexas notas aromáticas, incluindo caramelo. Lembre-se apenas de seguir a temperatura de serviço, entre 12oC e 16oC. O resultado será um sabor mesclado entre os açúcares do vinho e o amargor do chocolate. Há quem diga, ainda, que um Tawny envelhecido pode combinar com chocolates ao leite também.

Para aproveitar ao máximo a combinação, coloque uma pequena porção do chocolate no fundo da boca até derreter. Só, então, engula o chocolate e tome um gole do vinho. Daí em diante, é aproveitar o momento.



Assine Nossa Newsletter

e receba novidades, promoções e convites para eventos da importadora Winebrands